ATERRO do FLAMENGO(Um OÁSIS em meio a turbulência)

fevereiro 28, 2009

aterro-1

Aqui me sento, depois da caminhada, feliz e suada, me ponho a admirar a imensidão azul do Mar, o Céu de anil e as Montanhas que circundam a baía. Olhando além mar, lá no horizonte avisto Niterói, terra que já guardou meus sonhos, então olho para o aeroporto, vejo os aviões descendo, e penso na beleza do encontro. Vejo os navios deslizando mansamente nas águas tranqüilas. Observo a gaivota que plana altaneira e de quando em quando, mergulha em busca do alimento. As andorinhas voando em bando, as pessoas em trajes coloridos que passam conversando ou se exercitando. Tudo é movimento e no entanto, é meu momento de Paz, onde me dedico algum tempo, para comungar com a Natureza, fazer uma higiene mental e em meio a tanta beleza, mentalizar o meu Amor.

E na minha oração de agradecimento, rogo para que as pessoas se apercebam da dádiva que recebem, em fazer parte deste cenário maravilhoso e se conscientizem da necessidade de zelar e preservar este lindo Oásis, para que um dia, nossos netos e os netos deles também possam se deleitar nas sombras destas mesmas Palmeiras que me encantam agora, e com todo este verde que me rodeia.  

1º de março (aniversário da Cidade Maravilhosa)

“…. Òh Beleza tão antiga e tão nova, quão tarde Te amei…”.

(Santo Agostinho)

Fonte da Figura: pt.wikipedia.orgwiki

Anúncios

A Necessidade de Compartilhar (coisas do ser humano)

fevereiro 22, 2009

A necessidade de compartilhar (coisas do Ser humano)

 

No agreste da vida, estava eu, como sempre sozinha, dentro de um ônibus bairro a bairro, quando um sinal ficou vermelho.

E aí, um rapazinho de muito boa aparência (não era um menino de rua, de forma alguma; estava mais para um pequeno artista), colocou-se em frente aos carros e começou a fazer malabarismos com uma pequena bola de vidro.

Em movimentos fluidos e harmoniosos, ele encantava a uma platéia anônima, passando a impressão que a bola flutuava no ar. Fiquei-me perguntando o que ele ganhava com toda aquela exibição de talento e harmonia, pois com certeza, não eram aquelas poucas moedas suficientes para nada. E, no entanto, ele se mostrava tão satisfeito.

No final deste mesmo dia, tive a resposta esclarecedora. O objetivo principal, não eram as moedas, mas sim o compartilhar o encanto, a harmonia do movimento e se sentir em conexão com outras pessoas na emoção daquele momento.

Não adianta ser artista e criar coisa alguma, se não for possível  compartilhar com outros essa emoção.

Não importa se a platéia é anônima. O importante é que ela exista, e se emocione. O Ser humano necessita compartilhar. Só existe prazer em se fazer algo, se for para oferecer a alguém. Só existe prazer em um sentimento, se o mesmo puder ser compartilhado. Só existe corrente positiva de pensamento, se houver mais de um para formar a corrente. As perguntas necessitam respostas para fazerem sentido e não se perderem no ar, como uma grande interrogação. Do contrário, teremos a impressão de estarmos sós em um imenso vazio, onde só o eco de nossa própria voz nos responde com as nossas perguntas ao invés de respostas. E sem compartilhar, a humanidade caminha cada vez mais pra a solidão e o egoísmo, de não querer dedicar ao outro nem uma pequena parcela de si, ou de seu precioso tempo.

         Então pude entender e bem dizer o pequeno artista do sinal. E agradecer pelo encantamento proporcionado, e o desprendimento pelo tempo doado, a tantos anônimos, incluindo a mim.

“O grande segredo para a plenitude é muito simples: compartilhar”.

(Sócrates)

Fonte da Figura: acelula.wordpress.com

 

 

 


Absurdo dos Absurdos

fevereiro 22, 2009

Absurdo dos absurdos

Recentemente descobri, que além de todas as seqüelas e limitações que um câncer pode acarretar, existe mais uma totalmente absurda e insuspeita, pois só a descobrimos, quando já é fato consumado e sem retorno. Apesar do SUS ( Sistema Único de Saúde), ser Nacional, quem teve um câncer e conseguiu não morrer,(devido a demora no atendimento, falta de vaga e outros entraves burocráticos, pois o tempo provável para se conseguir uma cirurgia é de mais ou menos um ano, depois que se descobre o câncer); Se torna prisioneiro do Estado brasileiro onde a doença aconteceu, pois se mudar-se de Estado não tem direito a acompanhamento médico pelo SUS em outra região. O acompanhamento deve ser feito por no mínimo 5 anos, com remédios caros e que devem ser fornecidos pelo SUS mensalmente e exames periódicos que se encontram completamente fora do alcance da maior parte da população brasileira, que é carente de recursos, e por isso mesmo é uma população migratória, em busca de novas oportunidades, basta tomar-se como exemplo a nossa maior metrópole (São Paulo), onde se encontra pessoas de todas as partes do Brasil, tentando uma vida melhor. Ocorre-me então uma difícil questão: Morrer de câncer?Morrer a mingua por falta de acompanhamento? Ou ficar prisioneiro pelo resto da vida, ( abrindo mão do Direito de Ir e Vir tão proclamado na Constituição) e por falta de  oportunidade e de Tédio?

 

“O serviço público é o patrimônio dos que não tem patrimônio”.

(Celso Antonio Bandeira de Mello).

Fonte da Figura:

portal.saude.gov.br


 

 


Eliana

fevereiro 20, 2009

SUS

Quando se fala em Serviço de saúde pública, logo nos vem a memória: filas pela madrugada a fora, esperas que as vezes se tornam fatais, falta de equipamento e de estruturas de trabalho, e principalmente o mal atendimento de funcionários mau remunerados e mau humorados. Mas nem tudo é lixo. Existe também o luxo. E nesse caso o luxo se chama Eliana, a linda morena jambo, técnica em radiologia que trabalha anônima, em uma salinha escondida com a graciosidade de uma vitória régia, sem se deixar contaminar pelo ambiente. Com infinita paciência e bondade ela faz valer cada momento de espera pelo atendimento.

Séria e competente ela se diz feia enquanto se doa lindamente em sua nobre missão. E depois de um dia exaustivo de trabalho, quando deita a cabeça no travesseiro, com certeza ela deve sentir a alegria do dever cumprido e uma grande realização pessoal, porque lá no fundo ela sabe que é rara e linda. Assim como criticamos o mal, devemos exaltar o bem. As pessoas merecem reconhecimento. 

 

“Índigos já nascem Mestres e são um presente para a humanidade”

(Lee Carroll e Jan Tober)

 Fonte da Figura: portal.saude.gov.br

 

 


Um novo Lema para o Mundo “Igualdade”

fevereiro 20, 2009

Barack Obama

Eu Viveria outra vida, com todas as dificuldades multiplicadas, para estar aqui agora e ver acontecer este momento único nos anais da História. Um irmão negro chegando ao cargo mais alto do Planeta. Uma nova estrela surge no firmamento, e deveria ser incorporada a todas as Bandeiras do Mundo. Ela é a estrela da Igualdade, que brilha intensa hoje, com o maior dos incentivos a todos os povos. O impossível não existe. A Justiça acaba se fazendo.A superação traz vitória. Podemos acreditar que até a Paz no Oriente Médio é possível. É com o coração embargado de emoção que me prosto de joelhos para agradecer, thank God . Não importa a nacionalidade, o importante é que uma nova Era se inicia hoje trazendo ventos de esperança para um mundo melhor. De hoje em diante a cor da pele não será mais um critério de avaliação. “Salve o Presidente” Que Deus ilumine este Homem e o proteja. Quem sabe agora outras discriminações comecem a ser repensadas?

“Eu tenho um sonho. O sonho de ver meus filhos julgados por sua personalidade, não pela cor de sua pele”.

(Martin Luther King)

Fonte da Figura: pt.wikipedia.orgwiki