Volta ao Mundo

abril 1, 2014

151108_Papel-de-Parede-Circulos-Coloridos--151108_1280x800

 

A Vida às vezes me parece um eterno dormir e acordar totalmente sem sentido ou objetivo.

Apenas uma rotina chata e exaustiva, que não se explica nem nos responde.

Mas, se observarmos alguns detalhes que se nos apresentam, acabamos por nos surpreender com coisas e coincidências, que no mínimo nos encucam e fazem com que reflitamos sobre o tal sentido ou significado de cada detalhe e das dúvidas que tanto nos angustiam.

Na verdade tenho percebido que vivemos indo e vindo em círculos, sempre fechando círculos. Conequitando uma ponta a outra que parecia solta.  Nem sempre de maneira física literalmente, mas em reflexões e pensamentos que se antes não faziam sentido, de repente ficam claros como água e totalmente coerentes.

A vida também é assim.

Começa com um pequeno circulo (o óvulo), de onde saímos e aparecemos para o mundo.

E termina em um circulo um pouco maior, a Terra, onde somos lançados no último e enigmático mergulho, com a viciosa frase: “da Terra a terra”; ou do pó ao pó.

E assim se fecha o circulo na grande esfera terrestre, encerrando, nossa volta ao mundo, de onde então desaparecemos.

“Se escrevo o que sinto é porque assim diminuo a febre de sentir”. 

(Fernando Pessoa)

 

 

Fonte da Figura: http://ultradownloads.com.br/

 

 

Anúncios

Nova Fase: Humanismo Verdade

fevereiro 17, 2014

04b37441d4ccab769e9d7dc5afbd3c08_500

Neste ano de 2014, aproveitando o início do ano chinês, que acontece geralmente até o dia 20 de fevereiro; E também o fato de a cultura oriental ser uma das primeiras entre as civilizações, e com muito peso na cultura ocidental atual, lançarei mão também de uma corrente filosófica com forte tendência na contemporaneidade, ou seja, o Humanismo. Para iniciar esta nova fase.

Um Humanismo verdadeiramente humano, que expõe seu lado negro, desconstruído, com suas mazelas e incapacidades de todas às espécies, liberando verdades que antes eram tabus e revelando não só a beleza e perfeição que se deseja alcançar, mas principalmente, a incapacidade no inalcançável, sua fraqueza e impotência em fugir da derrota, e um lado novo que admite sua dor e busca dar a volta por cima sem esconder os meandros do feio lado humano, fraco, imperfeito e desconstruído.

É, pois esta, a nova cara que pretendo mostrar.

Havia antes uma preocupação em passar sempre uma mensagem positiva, bonita e forte.

Esgotou-se o Bom e o Belo.

Agora, o desejo é mostrar o Humano; E o humano é também o feio, o mau e o negativo. São polos que se duelam e se harmonizam… ou não!

Mas antes de qualquer coisa, é o Humano existindo. Hora Belo e positivo, hora feio e negativo, mas sempre verdadeiro, sem meias palavras ou medo do alcance que possam ter.

Nesta fase tentarei expor o cotidiano nu e cru. Com seus momentos lindos ou tristes, deslumbrantes ou desesperadores.

Apenas uma constante: Verdade; Pensada, sentida e vivida. Humana!

Não quero mais ficar sem escrever porque não tenho nada lindo para contar.

Quero também extravasar, desabafar! Exercer meu Ser Humana!

Isso é Humanismo, verdadeiro e atual. Liberal. Podendo acontecer. Existir no mundo e na vida!

Justamente este ano lunissolar chinês é o ano do cavalo, que representa exatamente:

“Força, Independência e Liberdade”!

 

Fonte da Figura: ravid0.blogfa.com

 


A Garota “Ipanema”

janeiro 7, 2014

Ipanema

Hoje vou cantar a Garota Ipanema e seu vizinho Arpoador!

Depois de longos, muito longos quatro meses de seca, me sentindo completamente sedenta, cheguei ao Rio 40º.

Todo meu corpo e até minha alma, pediam Mar. A saudade era imensa.

A sensação de deleite com o tão almejado mergulho, é algo assim… indescritível.

Nunca vi a Garota, assim tão maravilhosa! Suas águas eram um tapete ondulante e incrivelmente mornas e serenas!

Só consegui me libertar de seu delicioso abraço, depois de quatro horas de prazer.

Então, até parecia que havia me tornado um “Ser Marinho”… mais precisamente um camarão! Porém, na hora nem percebi, pois os olhos se saciavam de beleza, com o azul lindíssimo do céu e do mar!

A vista do Pão de Açúcar adoçava a Cidade Maravilhosa, que estava mais maravilhosa que nunca; talvez, devido a minha saudade, que só me deixava ver a Natureza, em sua forma mais bela!

No Arpoador conheci uma paulista, Katiane, e logo nos tornamos amigas, talvez porque ela estivesse tão enfeitiçada quanto eu, com tanta beleza natural.

Aproveitei pra dar um giro também na Princesinha e tomar uma água de côco geladinha em seu famoso calçadão!

Mas terminei meu curto giro foi aqui mesmo, no meu amado Aterro do Flamengo, o parque mais lindo do mundo! No meu cantinho da inspiração!

Agora, com as energias renovadas para 2014, volto às Minas Gerais; para os bancos da escola e a continuação do aprendizado.

 Mas antes de 2015, dou uma fugida para matar a saudade.

Bem, até… Rio Querido!!!

Você não me pertence mais… Mas eu sempre te pertencerei!

 Porque eu Sou Carioca!

Eu sou Carioca!

Sou Carioca!

“Minha alma canta… Vejo o Rio de Janeiro! Estou morrendo de saudades”

(Tom Jobim)

 

Fonte da Figura:  www.travellivre.com 

 

 


Oração

dezembro 31, 2013

Pomba da Paz

E assim, nasceu o Dia…

No qual o Ano morreria!

Lindo!, Cheio de sol e Paz.

Chegou suave, para levar o ano, que não volta mais.

 

E tudo que nos fez sofrer.

Os males que nos atingiram, que sirvam de aprendizado.

Que suas dores e mágoas, sigam com o ano velho, e fique em nós apenas o agradecimento, pelas coisas boas, pelas graças que recebemos, por todos os livramentos.

 

Que o mundo seja abençoado no novo ano que se inicia, com o nascimento do próximo dia. Que a Paz se estenda aos quatro cantos do Planeta, e também no coração de todos os homens na Terra.

 

Que o Amor nos ilumine em todos os dias do novo ano, e faça de nós pessoas melhores, ao nascer de cada novo dia.

 

Que a Esperança e a Fé habitem sempre todos os corações!

E o agradecimento por abrir os olhos e poder admirar, o nascer de cada novo dia, e a vida de todos os nossos, seja uma constante em nossos corações e mentes, há todos os segundos, minutos, horas e dias que formam os meses do Novo Ano!

 

                               Feliz 2014 Mundo!!!

PS: Que a gratidão pelo tempo desfrutado junto aos seres amados, seja um bálsamo no momento da despedida, e que em cada coração seja amenizado o sofrimento da perda material, pois o Espirito é imortal e continua nos confortando em amor, vivo dentro de nós. 

 

Fonte da Figura: cantinhodacher.blogspot.com


Entardecer

novembro 14, 2013

Sol&Lua

O dia vai morrendo

Suave e lindamente

Nas sombras da noite se escondendo

Se esvaindo mansamente

No céu rajado de dourado.

 

Ficamos a imaginar

Pra onde ele vai, o que ele faz?

Enquanto a escura noite reinar?

De voltar será capaz?

Ou se perderá nas brumas que o envolverá?

 

Do feitiço da lua escapará?

E nos braços do sol voltará?

Para nos encantar

E mais uma vez nos presentear

Com a alegria de mais um dia?

 

É tão lindo o dia!

Quente, alegre e brilhante

Fica sempre a melancolia

Quando se vai esfuziante

Levando a claridade e deixando saudade.

 

Para encontrar a bela amante

A linda lua inebriante

Um segundo fugaz

De encontro loquaz

 

Trocam então vida e morte

Seguindo sul e norte

Em seu destino incansável

De separação imutável.

 

“O entardecer é sempre uma mensagem de recomeço.
Com o raiar do sol, um novo dia se faz cheio de promessas”.

(Graça Mourão)

 

 

 

 

 

Fonte das Figuras: odiva-tamyh.blogspot.com

pt.wikipedia.org


Saudosismo

outubro 19, 2013

Amor

 

Que saudade do amor

De sentir a alma levitando

Dos arroubos da paixão

Da respiração entrecortada

 

Da terrível dor

De quem está amando

Da imensa emoção

De amar, mesmo sem ser amada

 

Saudade da ternura

Da leveza

Da ventura

Da beleza

 

Da angustia e do tormento

Dos corações apaixonados

Da alegria e do sofrimento

Que é a vida dos enamorados

 

Momentos que se alternam

Em doçura e tristeza

E ainda assim nos desesperam

Pois sem eles, não enxergamos beleza

 

A vida insossa se torna

Nem quente, nem fria

Apenasmente morna

Sem tristeza, sem alegria

 

Vida sem vida!

Saudade da saudade!

 

Dizem que a idade

Nos trás sabedoria

Mas na verdade

Do amor, não temos alforria

 

Com ele ou sem ele

Querendo ou não, viveremos.

Mas dele, somente dele

Escravos sempre seremos.

 

 

“Saudade é uma memória nostálgica perdida no horizonte,
de um apaixonado olhar…”

(Graça Mourão)

 

Fonte da Figura: legadodecain.files.wordpress.com/…/lilith4.jpg


Seguindo Viagem

setembro 16, 2013

not-67

 

 

Sob um céu de anil, com os primeiros raios dourados do sol a iluminar o tapete de esmeraldas formado ora pelas águas brilhantes do mar, ora pela vegetação margeando a baia de Guanabara, lá vou eu rumo a uma nova etapa, ao desconhecido mundo novo.

Um belo horizonte se descortina com suas surpresas e quem sabe maravilhas; sem no entanto, embaçar o brilho da maravilhosa Rio de Janeiro a janeiro, sempre linda e quente, em ritmo acelerado, do samba… do pagode… ou do Funk!

E assim 15 anos voaram entre mergulhos, livros, asa delta e família crescendo.

Foi maravilhoso, mas um andarilho não pode parar!

Precisa desbravar, ousar, acontecer!

Só assim a vida tem sentido, fica colorida e vale a pena, porque nada envelhece, tudo se renova, e existe sempre uma interrogação, curiosidade e energia para uma nova viagem cheia de expectativas.

Cada novo inicio é uma nova chance! De quê ? … Não sei! Mas isso justamente é o mais interessante. O Mistério!!!

A vida acontecendo!

Então, vamos a ela. Sem medo, sem hesitação.

Sempre guiados pela emoção!

 

 

 

“Na realidade, a vida é uma rua de sentido único “

(Agatha Christie)

 

 

 

 

Fonte da Figura: algaraviation.com.br